Como tem sido frisado nos posts sobre as etapas da obra, a mesma nunca deve parar de fato. Ociosidade significa prejuízo.

No post anterior foi explicada a execução do contrapiso e ao final da publicação foi mencionada a simultaneidade do processo com o início da execução dos pilares do primeiro pavimento.

Bom, essa simultaneidade foi possível devido algumas escolhas chave. Mais importante que a simultaneidade de execução entre pilares e contrapiso (que durou pouco), foi a de execução dentre os próprios pilares, tema do etapas da obra #10.

Primeiro é necessário entender as etapas de execução de um pilar. Sequencialmente, se dá da seguinte forma: são amarradas as ferragens do pilar em si, conforme projeto, essa ferragem é amarrada por sua vez à espera deixada desde a fundação, são colocados os espaçadores para garantir o posicionamento dos pilares e o recobrimento correto (pode ser feito sem espaçadores, apenas amarrando a ferragem à forma que será feita), é construída uma forma de madeira em volta das ferragens do pilar com as medidas do mesmo acabado, conforme projeto, nivelada e aprumada, deixando o espaço devido à espera das ferragens para às vigas, o pilar então é concretado (lembrando de vibrar o concreto), cura alguns dias e é então desenformado.

wp_20150305_003
Formas sendo executadas e aprumadas para concretagem dos pilares.

A escolha chave inicial foi contratar um carpinteiro experiente na execução de formas estruturais. Na verdade, o escolhido para o caso era especialista nisso e trabalha apenas com este nicho. Esta escolha se deu ao fato do mesmo ter capacidade de executar todas as formas em quase a metade do tempo que o mestre de obras da construção tinha. Considerando um alto nível de precisão. Para chegar a essa informação é necessário uma conversa franca e solicitação de prazos segundo experiência.

O prazo do carpinteiro em questão foi de fato cumprido e o custo foi de empreitada, algo em torno de 3000 reais para 2,5 semanas de trabalho. Cada semana de diferença entre os prazos significou economia de 1380 reais (valor da equipe que estava em obra, por semana). Ou seja, a partir de 2 semanas e meia, a economia era garantida e isso de fato aconteceu, uma vez que o prazo do mestre de obras era de 4 a 5 semanas.

A segunda escolha chave foi não comprar as ferragens prontas desta vez e sim, amarrá-las in loco a fim de evitar ociosidade. Nas fundações a escolha foi para ganhar tempo e evitar ociosidade, já na estrutura do primeiro pavimento foi para não perder tempo e evitar ociosidade, havendo simultaneidade.

wp_20150311_002
Ferragens dos pilares sendo amarradas simultaneamente à execução das formas.

Essa escolha possibilitou que enquanto as formas eram executadas em volta das ferragens posicionadas, novas ferragens fossem amarradas e posicionadas, ao passo que o contrapiso era finalizado também. Assim, quando um grupo de formas estivesse pronto, o pilares eram concretados e o concreto curava enquanto outras eram executadas.

Isso se deu devido a terceira escolha chave, que consistiu do rodízio das formas dos pilares da obra. Apenas a madeira para menos de um terço das formas da obra foi adquirida, utilizando um compensado de melhor qualidade que pudesse ser reutilizado (por possuir um acabamento plástico). Os pilares foram então executados sequencialmente, dos maiores para os menores, ao fim de poder ajustar as formas sem perdas.

wp_20150312_001
Pilares curando enquanto outros são concretados.

Um detalhe muito importante é sempre seguir o projeto estrutural para garantir a eficiência da estrutura. Quanto a isso, utilizar a resistência especificada para o concreto é fundamental. Cada mistura de cimento e agregados gera um resultado, então é magna a importância de se seguir a mistura correta para alcançar o Fck desejado. (Caso tenha dúvidas, consulte uma tabela).

Finalizada a etapa dos pilares, se inicia a das vigas. Assunto a ser abordado no próximo post!


Gostou da publicação? Tire suas dúvidas e deixe suas considerações na aba de comentários abaixo.

Quer receber o conteúdo do blog em primeira mão? Faça parte da lista de emails do GM respondendo ao formulário a seguir.

Advertisements